MARINGONI: Sabatina no Estadão

10532345_273189462883466_7057958130856911982_n

Após visita na tarde de ontem ao Estadão, em que o candidato ao governo de São Paulo pela Frente de Esquerda (PSOL/PSTU) Gilberto Maringoni participou de uma sabatina, o jornal O Estado de S. Paulo, publicou em sua edição desta quinta-feira, 7, na página A12, entrevista com o postulante ao cargo principal no Palácio do Governo. A matéria é de Ana Fernandes e Roldão Arruda.

Pautando em primeiro lugar a legitimidade social, Maringoni defendeu o direito de populares e organizações em se manifestarem por mudanças políticas e sociais, sempre de forma pacífica.
Ao ser indagado sobre as ocupações promovidas por grupos de sem-teto, Maringoni respondeu que são sintomas da carência de moradia, muito por conta da especulação imobiliária na cidade.

“Em uma situação de desespero, quem sou eu para falar que uma ocupação não é legítima?”.

Outra pauta abordada, foi a questão da crise no abastecimento de água. “Não vou me contrapor ao direito dos acionistas. Mas a parte estatal de Sabesp tem que crescer. O serviço púbico é incompatível com o lucro privado”. Por fim, ao ser indagado sobre segurança pública, Gilberto Maringoni disse que a polícia tem agido com grau exacerbado de violência. “Cabe à polícia proteger a área pública, conter excessos, mas tem que agir com mais civilidade”.

Posted in Noticia, Sem categoria.